Blog do Mulheres de Esperança

A quem recorrer?

Susie Pek

Sem palavras... Nada é capaz de expressar nossos mais profundos sentimentos do que essa expressão. Algumas vezes somos socorridos pelas lágrimas que traduzem nossa emoção e pensamentos. Tantas outras só conseguimos ficar paralisados, tentando processar o que acabamos de ver ou ouvir. O nosso coração palpita, nossos pensamentos vão longe e sentimos um indesejado incômodo. Dá uma vontade louca de sair correndo numa tentativa de deixar o vento levar consigo as dores e angústias que repentinamente se instalaram em nós.  Almejamos um abraço que seja capaz de nos aliviar. E inevitavelmente pensamos: “Pra quem iremos?”

 

Precisamos de alívio para o coração ferido. Precisamos de sabedoria para lidar com as novas situações. Precisamos de ajuda. Precisamos saber que alguém se importa. Momentos de fragilidade despertam em nós uma necessidade enorme de segurança.  O mundo que conhecíamos, de uma forma ou de outra foi transformado; tudo ficou muito diferente. Seguimos pelo mesmo caminho de sempre, só que com os olhos embaçados pelas lágrimas e os pensamentos um tanto confusos pelos últimos acontecimentos. E mais uma vez pensamos: “Pra onde vou? Pra quem vou?”

 

Toda vez que enfrento algo parecido ou que acompanho alguém enfrentando tal situação, lembro de Pedro. Certa vez, após um discurso difícil, muitos dos discípulos de Jesus o deixaram. Jesus então, se dirigiu aos seus 12 discípulos e perguntou: “Vocês também não querem ir?”  ao que Pedro, o discípulo de Jesus conhecido por sua impulsividade, respondeu: “Senhor, para quem iremos? Tu tens as palavras de vida eterna. Nós cremos e sabemos que és o Santo de Deus”. João 6:67 – 69.  Sou apaixonada por essa resposta de Pedro. Ele não entendia muitas coisas, mas ele entendeu Jesus! Pedro diz que só Jesus tem as palavras de vida eterna e afirma que eles criam e sabiam que ele era o Santo de Deus. Tais afirmações deixam claro que Pedro entendeu em quem cria. Há imenso conforto em saber que Jesus é o filho de Deus que nos ama. Ele é capaz de se identificar com nossas dores. Ele é capaz de aquietar nossos corações e está conosco todos os dias de nossas vidas.  Não tenho muitas palavras, mas desejo que ‘a graça do Senhor Jesus Cristo, o amor de Deus e a comunhão do Espírito Santo sejam com todos vocês.’ 2 Coríntios 13:14

 

No amor do Senhor,

 

Susie Pek - Coordenadora do Mulheres de Esperança RTM Brasil, América Latina & Caribe